Página principal Breves, Coreia do Norte, Criptomoedas
Tema do momento
20 de Dezembro de 2017
462 462

As empresas que lidam com bitcoins e outras moedas digitais devem recear pirataria da Coreia do Norte, de acordo com o CEO de uma empresa de ciber-segurança. “É uma moeda anónima (…) e o seu valor aumentou dramaticamente.” — Avançou George Kurtz, CEO da CrowdStrike, à CNBC esta terça-feira. “É a moeda perfeita para a Coreia do Norte acumular.” — Acrescentou.

O aviso de Kurtz surge no seguimento do forte aumento de preço da Bitcoin este ano. A criptomoeda começou o ano a ser negociada abaixo de 1.000 dólares e é atualmente negociada acima de 17.000 dólares.

Kurtz referiu ainda o ciber-ataque WannaCry, em que hackers tomaram o controlo de sistemas informáticos em 150 países em maio de 2017 (incluindo de bancos e de empresas de cuidados de saúde). Esta segunda-feira, funcionários da administração Trump confirmaram que a Coreia do Norte esteve por detrás do ataque que envolveu pedidos de resgate em bitcoins.

Fonte: Fortune

Leia também:
Por favor, descreva o erro
Fechar